O piloto acordou com febre na manhã de segunda-feira, 30

Por Américo Teixeira Junior

As informações apontam que Lewis Hamilton chegou ao Bahrain depois de ter contato com uma pessoa testada positivo logo a seguir – Foto Steve Etherington (Sakhir, Bahrain, 27.11.2020)

Acompanhe o Diário Motorsport no Youtube Twitter  Facebook

Testado positivo para Covid-19, Lewis Hamilton não disputará o Grande Prêmio de Sakhir, penúltima etapa do Mundial no próximo domingo, 6. Logo após vencer o acidentado Grande Prêmio do Bahrain, o piloto da Mercedes acordou na segunda-feira, 30, com um pouco de febre. Em razão disso, foi testado e retestado, o que confirmou a contaminação pelo novo coronavírus.

Ele já havia realizado três avaliações anteriores durante a semana no Bahrain, sempre com resultado negativo. Agora, encontra-se e isolamento de 10 dias e informou que se sente bem.

Bem não está, entretanto, a “bolha” da Fórmula 1.

Diferentemente do que ocorreu na Inglaterra, quando Sergio Pérez acusou positivo antes de iniciar as atividades em Silverstone, dessa vez o problema com Hamilton apareceu imediatamente após ter disputado a primeira das duas provas no Bahrain International Circuit. Logo, não foi o bastante todo o esforço para impedir a entrada do vírus no interior da Fórmula 1, pelo menos nesse caso.

Segundo o comunicado da Mercedes, antes de chegar ao Bahrain, Hamilton teve contato com uma pessoa que, logo a seguir, testou positivo.

Trata-se, portanto, do segundo titular fora da próxima prova. Antes, por força das queimaduras nas mãos de Romain Grosjean, Pietro Fittipaldi já havia sido anunciado como seu substituto na Haas.


Capa/Destaque: Pódio do Grande Prêmio do Bahrain com Hamilton, Max Verstappen (esq.) e Alex Albon – Foto LAT Images/Mercedes (Sakhir, Bahrain 29.11.2020)

Diário Motorsport é Jornalismo independente, investigativo, de opinião. Se você aprecia nosso trabalho, participe de nossas ações para que possamos continuar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here