Localizado na casa do piloto nos Estados Unidos, o espaço privado reúne apenas uma fração do que conquistou em 33 anos de carreira e contando …

Por Américo Teixeira Junior

Não tem sido das mais fáceis tarefas, mas aos poucos a sala de troféus de Helio Castroneves vai tomando forma pelas mãos do próprio piloto. Apesar do espaço para esse fim reservado em sua casa, na cidade de Fort Lauderdale (FL, USA), só agora vem conseguindo tempo para mostrar suas habilidades como decorador.

Ao lado da esposa Adriana e da filha Mikaella, de 10 anos, o três vezes vencedor da Indy 500 vem ocupando de várias maneiras o tempo extra, imposto pelo isolamento social. Além dos diversos contatos remotos (família, Penske, parceiros técnicos, patrocinadores, imprensa, negócios, entre outros), mantém a atividade física e intensificou treinamentos no simulador para as provas virtuais das quais tem tomado parte.

A galeria já concluída reúne mais de 200 peças, entre troféus, anéis, relógios, medalhas e capacetes. Vale destacar dois das vitórias na Indy 500 (o terceiro está no Brasil), o da conquista do Dancing with the Stars, capacetes originais usados pelo próprio Helio e de pilotos como Gil de Ferran, Tony Kanaan, James Hinchcliffe e Ryan Briscoe.

Porém, em termos de quantidade, o acervo dos Estados Unidos nem chega perto daquele que está em Ribeirão Preto, sob a guarda dos pais Sandra e Helio. Lá estão suas conquistas desde os tempos do kartismo, passando por monopostos no Brasil, Europa e Estados Unidos. Tem até chassi de kart e um Fórmula 3 completo.

Fotos IndyCar e arquivo pessoal de Helio Castroneves

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here