O ex-piloto paranaense defendeu com ênfase o automobilismo regional na última campanha

Por Américo Teixeira Junior

Milton Sperafico foi vice-presidente no primeiro mandato de Cleyton Pinteiro, entre 2009 e 2013 – Foto Luiz Aparecido

O ex-piloto e empresário Milton Sperafico anunciou nesta sexta-feira, 9, que concorrerá novamente ao posto de presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). Será sua segunda eleição, uma vez que disputou em 2017, como candidato da oposição, mas foi derrotado por Waldner Bernardo, que deixará a entidade em janeiro próximo.

Não chega a ser propriamente uma surpresa a nova tentativa do campeão sul-americano de Fórmula 3B. Mesmo perdendo por 10 a 7 em janeiro de 2017, Sperafico deixou uma marca positiva na eleição. Sua candidatura permitiu que houvesse de fato uma disputa, inclusive com debate promovido pelo jornalista Lívio Oricchio nas dependências da pista de kart do falecido piloto Tuka Rocha.

Apesar do Status de candidato natural da oposição, preferiu se manter fora das discussões durante algum tempo. “Eu estava me mantendo discreto, mas vários presidentes de federação me ligaram pedindo para que me candidatasse. Em razão disso, concordei. A decisão foi tomada ontem [8] e agora sou oficialmente candidato a presidente da CBA”, disse Sperafico. “Agora, vamos trabalhar”.

Segundo o Estatuto da entidade, a eleição ocorrerá na primeira quinzena de janeiro de 2021 para um mandado de quatro anos.


Acompanhe o Diário Motorsport no YoutubeTwitter e Facebook


O Diário Motorsport faz Jornalismo Independente e compromissado unicamente com o Leitor. Se você aprecia nosso trabalho, participe de nossas ações para que possamos continuar. CLIQUE AQUI e conheça os benefícios

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here