Decisão permite que a equipe de Lawrence Stroll mantenha o RP20 equipado com os mesmos dutos de freios protestados

Por Américo Teixeira Junior

Salvo decisão contrária na Corte de Apelação da FIA, a Racing Point continuará equipando o modelo RP20 com os mesmos dutos de freios traseiros protestados e multados, mas não banidos – Fotos Mark Sutton/Motorsport Images/Racing Point (Silverstone, ING, 07.08.2020)

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) divulgou nesta sexta-feira, 7, sua decisão relativa aos protestos apresentados pela Renault contra a Racing Point após os Grandes Prêmios da Estíria (segunda prova no circuito Red Bull Ring, na Áustria), Hungria e Gra-Bretanha. Entretanto, bem aos moldes da resolução “secreta” sobre o motor Ferrari do ano passado, a entidade presidida por Jean Todt só fez tumultuar ainda o ambiente da categoria e provocar contra si a ira de algumas das principais equipes do Mundial.

Ferrari, McLaren e a própria Renault mostravam-se dispostas a levar o caso para a Corte de Apelações da FIA, pois estavam indignadas com a decisão considerada “branda” contra a Racing Point: perda de 15 pontos e multa de 400 mil Euros no âmbito da corrida 2 na Áustria, reprimenda para os demais GPs e ausência de punições aos pilotos da equipe.

O ponto central da discórdia é o fato de a FIA concentrar sua decisão no controverso item do regulamento que passou a valer nesta temporada. Até então ausente, só em 2020 o item duto de freio entrou na lista do que necessariamente precisa ser fabricado pela própria equipe.

Da maneira como a punição foi apresentada, não foi considerada a hipótese de o equipamento ser banido. Para tanto, teria a entidade de provar o que não tem demonstrado ser capaz. Resumo da ópera: a FIA “sangrou” os cofres da Racing Point, mas a equipe poderá usar o duto de freio traseiro até o final da temporada, pois não foi reuniu elementos fortes o bastante para decretar sua ilegalidade.

Sabe quanto isso vai terminar? Não? Nem eu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here