Em furo de reportagem dos jornalistas Juliana Tesser e Pedro Henrique Marum, o site Grande Prêmio revela as manobras de bastidores que envergonham o motociclismo brasileiro em âmbito mundial

Por Américo Teixeira Junior

Um protesto por questões técnicas, algo absolutamente corriqueiro no esporte a motor em qualquer parte do mundo, revelou no motociclismo brasileiro um escândalo em escala internacional. Segundo reportagem do site Grande Prêmio, publicada hoje, “… protesto da equipe Alex Barros Racing contra a Honda de Eric Granado aberto há três meses transformou-se no mais novo escândalo do SuperBike Brasil, principal campeonato do motociclismo brasileiro. A história … não só encontrou divergências em tamanho de bielas [no motor de Granado], mas também dois documentos falsificados [Federação Internacional de Motociclismo e Senai] e colocam suspeita sobre a organização da categoria“.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA, RECHEADA DE DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA, NO GRANDE PRÊMIO.

  • Capa/Destaque: A reclamação técnica de Alex Barros (4) contra Eric Granado (51) foi o ponto de partida do escândalo Foto RICARDO SANTOS/MUNDO PRESS

1 COMENTÁRIO

  1. Então é assim que o Granado mostra tamanha superioridade no motociclismo nacional? Roubando???? Tomara que perca o contrato na MotoE para o ano que vem, prefiro um campeonato sem brasileiro correndo do que um representante ladrão, corrupto.

    Já já aparece uma declaração dele dizendo que não sabia e que quem fez isso foi o mecânico sem a conivência do piloto.

    Eric Granado ou Eric Fracasso?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here