Categoria de monopostos chega ao ECPA com seu maior grid e a estreia do inédito carro de dois lugares

Por Américo Teixeira Junior

Relação de inscritos da décima etapa da Fórmula Inter, em Piracicaba (Arte Fórmula Inter)

A Fórmula Inter realizará neste sábado e domingo (28 e 29), no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo (ECPA), a prova “Fórmula Inter ECPA 100”, a primeira competição de monopostos em oval curto no Brasil. O anel externo do circuito da família Gianetti mede 1.080 metros e o tempo de volta previsto, já aferido em treinamentos, será de aproximadamente 30 segundos.

A etapa valerá pelo 10 round do campeonato, visto que a de agosto foi cancelada em função das chuvas em Interlagos, local de todas as disputas até então. A estreia em Piracicaba marca também o maior grid da categoria, agora com 13 monopostos totalmente projetados e construídos no Brasil na fábrica de José Minelli, cujos cabelos brancos, na verdade, revelam toda uma vida dedicada ao esporte deste que é um dos principais construtores de carros de corrida no Brasil, em todos os tempos.

As atividades de pistas começam no sábado, com treinos e Qualifying aos moldes dos ovais norte-americanos, com um carro classificando de cada vez. No domingo, a largada para 100 voltas será dada às 15:30, com transmissão pelo canal por assinatura Esporte Interativo no dia 19 de novembro. Hoje pertencente ao grupo norte-americano Turner, o Esporte Interativo é parceiro da categoria desde o início e exibe todas as provas em datas subsequentes. Piracicaba também verá pela primeira vez o Fórmula Inter de dois lugares, que será usado em atividades promocionais e pilotado pelo multicampeão Artur Bragantini.

O líder Gustavo Coelho somou 262 pontos em nove provas, tendo vencido cinco delas (Foto Rodrigo Ruiz/Fórmula Inter)

Disputa pelo título

Ao cabo de nove etapas disputadas, de um total de 11 que completarão o primeiro ciclo, o carioca Gustavo Coelho lidera a competição pelo Cinturão de Ouro com 262 pontos. O piloto de 27 anos já venceu cinco corridas. Seu principal adversário é o paulista – radicado em Minas Gerais – Marcelo Henriques, que soma 231 pontos. Além de vencer quatro etapas, o piloto de 20 anos é “rei” das poles, pois faturou a posição de honra no grid em oito das nove sessões classificatórias. Seu desempenho só não é 100% nesse quesito porque na nova rodada, sob chuva, a pole foi de Alexandre Galassi, paulista de 22 anos que o 4º na classificação geral com 209 pontos.

Entre Marcelo Henriques e Alexandre Galassi, no 3º posto, está o paulista de Americana Pedro Aguiar, cuja trajetória até aqui lhe garantiu 225 pontos. Marcelo Zebra, experiente empreendedor de 48 anos completa a lista dos principais postulantes ao título, com 201 pontos. Raphael Figueiredo tem a mesma pontuação de Zebra, mas deixou momentaneamente a categoria.

Mas enquanto tudo isso acontece na pista – inclusive as provas das categorias Clássicos de Competição e Drift -, no interior do complexo automobilísticos serão realizados shows musicais e diversas atividades de entretenimento e prestação de serviços na Praça de Convivência. A programação completa segue abaixo e o ingresso custa R$ 20 ou uma duas modalidade de doação para o Fundo Social de Solidariedade de Piracicaba: dois quilos de alimento não perecível (exceto sal) ou um pacote de fralda geriátrica.

 

 

 

Compartilhar

Muito obrigado por participar. Forte abraço, Americo Teixeira Jr.