Por Americo Teixeira Jr. – O Caterham Group, conglomerado pertencente a Tony Fernandes (foto by Caterham), não é mais parceiro da Renault, pelo menos no setor de carros esportivos. A joint venture Société des Automobiles Alpine Caterham, antes dividida meio a meio, a partir de agora é 100% da automotiva francesa.

Não há dados precisos sobre o impacto que esse novo posicionamento empresarial do empresário malaio irá exercer sobre a Carterham F1 Team, que utiliza os motores Renault e pertencente ao mesmo grupo de Fernandes, que detém ainda o controle da Carterham Cars.

CBE Award a Boost for UK-Malaysia Relations, says Tony Fernandes

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here