Por Américo Teixeira Junior, de Pinhais (PR) – Depois do escândalo dos comissários da CBA, revelado pelo jornal Folha de S. Paulo, há um clima geral de desconfiança. E por ter ocorrido justamente na Stock Car, é nesta primeira etapa do campeonato que a coisa está mais sensível. Naturalmente sob pressão costumeira para que não seja alvo de críticas, o comissariado nesta etapa trabalha com essa circunstância potencializada.

O grupo de comissários da CBA é composto por nove profissionais, sendo quatro desportivos, dois técnicos e mais três auxiliares técnicos, além do diretor de provas, o gaúcho Mirnei Antonio Piroca. São eles:

Comissários desportivos: Luiz Felipe Silva, Alexandre Lagana, Gilberto Elger, Carlos Deodoro Stray;
Comissários técnicos: Gustavo Calheiros, Vinícius Vicente;
Auxiliares técnicos: Otávio Dias, Frederico Dias, Gilmar Lima.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here