O Não-GP da Bélgica mostrou como a FIA está engessada num modelo que impede decisões emergenciais na Fórmula 1

Por Américo Teixeira Junior

O pódio mais fake da Fórmula 1 – Foto DAN MULLAN/Red Bull Racing (Spa-Francorchamps, BEL, 29.08.2021)
A partir de R$ 10/mês, você pode colaborar com o Diário Motorsport independente e investigativo CLIQUE AQUI E PARTICIPE!

Há um tom de arrogância nas atitudes tomadas pela FIA ontem em Spa-Francorchamps. Mais do que isso, uma dificuldade muito grande em lidar com o imprevisto, além da falta de uma liderança capaz de indicar o rumo coerente.

E por que a FIA tem essa responsabilidade? Simplesmente porque cabe a ela a gestão técnico-desportiva do Mundial. Só para clarificar, o dono do evento é o grupo norte-americano de entretenimento Liberty Media, que garante a realização do campeonato. Cada corrida é organizada pelo promotor local, que precisa deixar tudo pronto para receber a Fórmula 1. Já a FIA é a executora dos regulamentos e procedimentos de prova.

Cabe à FIA, portanto, os méritos de ter priorizado a segurança e não permitir a realização da corrida sob condições climáticas implacáveis. A partir disso, porém, faltaram decisões claras e lúcidas. Na falta disso, o que se viu foi o grotesco desfecho de uma não-corrida, cujo resultado oficial registra apenas uma volta, mas com pódio e atribuição de pontos. Tudo isso diante do sofrimento de um público que passou horas debaixo de muita chuva e frio, sendo sistematicamente induzido à ilusão de que a disputa pudesse ocorrer.

Categoria e entidade se tornaram reféns do gigantismo, com uma vasta cadeia de comando a cumprir contratos bilionários, mas com dificuldades de tomar decisões práticas. Na falta destas, optou-se por desrespeitar o público e cumprir uma agenda de mentirinha. Sair do pedestal e aprender a lidar com problemas reais, antes tarde do que nunca, faz bem para qualquer organização.

Capa/Destaque: Max Verstappen “venceu” o GP da Bélgica – Foto LARS BARON/Red Bull Racing (Spa-Francorchamps, BEL, 29.08.2021)

Acompanhe o Diário Motorsport no Youtube Twitter  Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here