Pedido partiu de federação de apoio à candidatura de Milton Sperafico

Por Américo Teixeira Junior

O juiz Leonardo Grandmasson Ferreira Chaves, titular da 32ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, indeferiu ontem o pedido da Federação Gaúcha de Automobilismo, para que o voto da Associação Brasileira de Pilotos de Automobilismo (ABPA) não fosse computado na Assembleia Eletiva de amanhã. Assim, o voto da ABPA será válido.

Assinado pelos advogados Marcelo Souza Aiquel e Alper Tadeu Alves Pereira, o processo deu entrada no dia 10 de janeiro último e, segundo despacho do juiz, “pleiteia a Autora [FGA] a concessão de tutela antecipada para que o voto da Associação de Pilotos seja colhido a parte, deixando de ser computado até que se decida o mérito da questão“.

Basearam-se os impetrantes na alegação de que houve “ardil” quando da mudança estatutária de 7 de abril de 2014, sendo ferido o “princípio de igualdade“. O Juiz, entretanto, considerou que “não se faz possível concluir pela alegada alteração fraudulenta“.

O juiz destacou que a própria Autora sustentou as alterações realizadas. “Cumpre observar que tal Assembléia Geralfoi aceita por todos os filiados, não me parecendo razoável que agora, na véspera das eleições, se pretenda esvaziar a regra estatutária aprovada“.

Pelo exposto, indefiro a antecipação dos efeitos da tutela“, concluiu.

4 COMENTÁRIOS

  1. Então quer dizer que uma nova federação criada deve esperar 4 anos para poder votar em uma Assembléia mas a Associação dos Pilotos não precisa cumprir este prazo?? Quem então são as “pessoas do bem” ???

      • Grande Sacada!!! Grande Sacada!!!
        Sem piloto, sem navegador, sem chefe de equipe, sem mecânico, sem engenheiro, sem cronometrista,sem patrocinador, sem sinalizador, sem diretor de prova, sem comissário, sem clube promotor, sem federação, sem confederação nacional, sem confederação continetal, sem a FIA realmente não tem automobilismo…

        Mas continua a interrogação do porque do status da Associação de Pilotos…
        Ser fundada e em menos de quatro anos poder votar em uma Assembléia??
        No caso de uma nova Federação tem que esperar os mesmos quatro anos para poder se manifestar…

  2. Atitudes como estas por pessoas que não são do bem não me espanta.
    Isto apenas reforça que nosso automobilismo precisa de MUITA mudança

    Felipe Giaffone

Deixe uma resposta para Felipe Giaffone Cancelar resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here