sexta-feira, junho 21, 2024

Caso Red Bull – Não bastou a primeira agressão, seguem-se outras contra a mesma mulher

Share

Afinal, quantas agressões uma mulher pode suportar no universo nem sempre reluzente da Fórmula 1?

Por Américo Teixeira Jr.

Nem mesmo o domínio de Max Verstappen tem sido suficiente para anuviar o rumoroso caso que envolve uma funcionária da Red Bull e o chefão da equipe, Christian Horner. Fosse uma atitude oportunista e canalha, a moça teria sido demitida sumariamente e o caso talvez nem atingisse as manchetes – manchetes neerlandesas, aliás.

Mas não foi isso o que aconteceu. Algo definitivamente se passou. Uma violência ocorreu e se transformou em processo interno na gigante das latinhas de energéticos. Uma auditoria externa não deu asas às denúncias da funcionária, não havendo, oficialmente, nenhum fato que justificasse uma punição a capitão da Red Bull Racing. Além disso, a moça foi punida com afastamento de suas funções.

Em nome da correção jornalística, qualquer opinião que classifique a decisão como certa ou errada é frágil sem que se conheça o processo. Entretanto, somou-se à violação inicial esta segunda, pois quem pagou o pato foi a vítima. Tem cara de passada de pano e tem cheiro de passada de pano, mas, sem provas, não é possível cravar que houve passada de pano. Entenderam a diferença de Jornalismo e histeria da internet?

Mas não acabou por aí o quadro melancólico. O caso foi usado para que, diante de uma suposta condição de fragilidade de Horner, houvesse uma tentativa para a derrubada do inglês de sua posição de poder estratosférico. E novamente a moça foi exposta, inclusive que divulgação de conversas via aplicativo de mensagem.

Quer dizer, a moça denunciou, o denunciado foi absolvido, ela foi afastada do emprego e o imbróglio foi catapultado na briga interna de poder entre Horner, Helmut Marko e os respectivos aliados.

Nesse acumular de violações contra uma mesma mulher, nada faz supor que uma “latinha de alta pressão” não esteja prestes a explodir.

Read more

Local News