Com o 4º lugar garantido no Mundial de Construtores, a Force India coloca seus pilotos na pista de Interlagos com máxima liberdade

Por Américo Teixeira Junior, de Interlagos

Dos 175 pontos que garantiram o 4º lugar no Mundial de Construtores para a Force India, Perez (foto) soma até aqui 92 e Ocon, 83 (Fotos Force India Media)

Um dos principais aspectos a movimentar o GP do Brasil do próximo domingo é a decisão da Force India de liberar seus pilotos, o mexicano Sergio Perez e o francês Esteban Ocon, para que lutem livremente por posições. Isso significa que, em princípio, não haverá riscos de ordem de equipe, apesar de ambos protagonizarem momentos de muita tensão durante a temporada, tamanha a voracidade das disputas.

Mas o mesmo Perez, que esbravejou veementemente contra o companheiro de equipe em algumas ocasiões, disse que, hoje, existe confiança mútua. “Temos confiança suficiente um no outro para saber que podemos disputar forte, sem risco de deslealdade“, disse o 7º colocado no Mundial de Pilotos.

A união da maturidade de Sergio Perez com a juventude de Esteban Ocon tem dado muito certo, embora num dado momento tenha parecido impossível a convivência entre ambos. Apesar de as arestas estarem aparadas,  prova de domingo vai mostrar se a paz é duradoura ou se é apenas um trégua momentânea.

Compartilhar

Muito obrigado por participar. Forte abraço, Americo Teixeira Jr.